Disciplina de Estrutura e Propriedades da Matéria

 

Objectivos

Ao engenheiro mecânico é fundamental adquirir o mínimo de competência específica na relação íntima entre a ligação química e a estrutura atómica e as propriedades da Matéria, só assim ele saberá compreender e agir duma forma sustentada sobre a sua utilização. Da matéria ao material há inscrição da mensagem que a aplicação o obriga, ou seja, a conformação, de modo a cumprir a sua utilidade na Engenharia Mecânica. Esta relação deverá ser assumida com facilidade ao fim da frequência desta unidade. Esta disciplina de carácter introdutório, confere, para além dos aspectos iniciáticos em temas de Engenharia, que lhe estão subjacentes, confere ao aluno, e mais tarde ao licenciado, um papel proactivo em relação à matéria que ele manipula/usa experimental ou virtualmente. As competências específicas adquiridas nesta unidade serão o fundamento, entre outras das unidades de Ciência e Engenharia de Materiais.

 

Programa Mínimo

Ligação química. Simetria molecular e estrutura. Ordem e desordem na matéria. Estrutura dos materiais (metais e ligas, cerâmicas e vidros, polímeros, compósitos e materiais biológicos. Nanomateriais. Defeitos. Interacção da radiação com átomos. Processos activados termicamente. Diagramas de fase. Cinética: teoria cinética, cinética das reacções homogéneas e heterogéneas, cinética da nucleação, cinética da migração interface líquido-sólido e sólido-sólido. Fenómenos de transporte: difusão e precipitação, crescimento de fases, mudanças de fase. Propriedades físicas: térmicas, mecânicas, ópticas, eléctricas, magnéticas. Propriedades químicas: oxidação, corrosão. Fenómenos de superfície. As propriedades de micro- e nano- cristalinos/nanoestruturados e amorfos. O processamento como modificador da estrutura.

 

Docentes

Nome – Maria Teresa Freire Vieira

Email – teresa.vieira@dem.uc.pt

Web –

 

Nome – José Manuel de Oliveira Costa Castanho

Email – josé.castanho@dem.uc.pt

Web –